Primeiro evento científico do ano lota o Restaurante Tartine

“Venho aqui para ensinar e também para aprender”. Com estas palavras o Dr. Gilberto Shimoda (SP), resumiu a sua vinda a Curitiba, para participar do primeiro evento científico de 2018.

O encontro foi promovido dia 21 de março pelo Hospital de Olhos do Paraná, em parceria com a Adapt.

O Dr. Hamilton Moreira agradeceu pelo comparecimento pontual de todos, que lotaram as dependências do Restaurante Tartine, aos convidados e à parceria firmada pelo centro médico com a Adapt. Disse que ter o professor Shimoda simbolizava “uma honra e um brinde” a todos os presentes.

Programação
A programação incluiu os temas “Cirurgias de Faco + Femtosegundo + Lentes RayOne”. Coube ao professor Gilberto, ainda, responder perguntas selecionadas sobre como e quando empregar as novas tecnologias em Oftalmologia, para as diferentes situações.

O médico, considerado um expoente em sua especialidade no país, falou também a respeito de um marcador que ele desenvolveu, que permite implantar lentes tóricas com maior resolutividade.

A principal contribuição da palestra, no seu entender, foi a de informar aos seus pares, especialmente os “Fellows“, de que eles simbolizam “um pilar” das rápidas transformações que ocorrem na Oftalmologia. Deixou a mensagem de que todos devem aproveitar eventos científicos como os organizados pelo Hospital de Olhos do Paraná, para aumentarem a sua curva de aprendizado.

O Dr. Lucas Shiokawa, membro do corpo clínico do Hospital de Olhos, reforçou as palavras do Dr. Gilberto. Acrescentou que para o centro médico era “um privilégio” contar com convidados com a expressão do médico paulista. Também convidado para vários eventos científicos, o Dr. Lucas falou a respeito dos aspectos técnicos das lentes bifocais, apresentou casos clínicos e possibilidades de opções para oferecer o melhor ao paciente.